sábado, 9 de julho de 2011

Lisossomos . (do grego lise, quebra, destruição).



São corpúsculos normalmente esféricos cujo interior apresenta uma grande quantidade de enzimas que degradam (quebram em pedaços pequenos, ou seja, digerem ou destroem) moléculas grandes ou organelas envelhecidas.

Com origem no aparelho de Golgi, os lisossomos estão presentes em praticamente todas as células eucariontes. Os lisossomos são organelas responsáveis pela digestão intracelular. As bolsas formadas na fagocitose e na pinocitose, que contêm partículas capturadas no meio externo, fundem-se aos lisossomos, dando origem a bolsas maiores, onde a digestão ocorrerá.

A digestão intracelular das macromoléculas (partículas) é feita pelas enzimas presentes no lisossomo, fabricadas no retículo endoplasmático rugoso. Este processo ocorre, por exemplo, nas amebas, que com seus pseudópodos, capturam o alimento do meio externo e através da fagocitose formam vacúolos, contendo o alimento. Então os lisossomos se aproximam do vacúolo para fazer a digestão.


Exemplo de ezimas encontradas dentro dos lisossomos:
PROTEASES : degradam proteínas;
NUCLEASES :degradam ácidos nucléicos: DNA e RNA;
GLICOSIDASES:degradam açúcares;
LIPASES: degradam lipídeos.


Funções dos Lisossomos :
Suas enzimas digerem tanto substâncias capturadas do meio através de fagocitose e pinocitose - formando os vacúolos digestivos, como partes envelhecidas da própria célula, que devem ser recicladas. As funções dividem-se em função heterofágica e autofágica:
  • Função heterofágica – Digerir produtos oriundos da fagocitose e da pinocitose.
  • Função autofágica – Pode ser de dois tipos: autofagia (digestão de organelas e estruturas da própria célula) e autólise (pelo rompimento da membrana lisossômica, as enzimas vazam para o citoplasma destruindo completamente a célula).

Trabalho dos acadêmicos André Rafael de Campos e Deivid Paim Ben

REFERÊNCIAS e links:
Colegio Web lisossomos 
Infoescola - Lisossomos
Figura 1: Molecular Expressions – Lysosome http://micro.magnet.fsu.edu/cells/lysosomes/lysosomes.html
Figura 2: Só Biologia – Citologia http://www.sobiologia.com.br/conteudos/Citologia/cito21.php

Nenhum comentário:

Postar um comentário